sexta-feira, 6 de novembro de 2009

VELHICE


VELHICE
(Victtoria Rossini)

Abri a gaveta
E do fundo dela
Uma velha escabelada
Me olhava assustada

Escondeu de mim o rosto
Tapou a boca desdentada
Mas me olhou curiosa
Quieta... Sem dizer nada

Fechei a gaveta ligeiro
Sentei na cama apavorada
Lembrei do rosto
Lembrei dos traços

“_Esse rosto não me é estranho...”

Olhei a gaveta fechada
Olhei o espelho
Olhei a gaveta fechada
Novamente olhei o espelho...

_Sou eu ali guardada?

Sai correndo do quarto
Não querendo ver mais nada

Será que foi imaginação?

Um comentário:

Mirror Whelan disse...

Gostei!
Muito bom!
(,”)\\
./_\\. Beijinhosssssssssss
_| |_……………..

Ah! Agora estou te seguindo! :)