domingo, 9 de novembro de 2008

LUX


LUX
(Victtoria Rossini)

Água sagrada
Vertendo da fronte
Em forma de luz

Lava as dúvidas
Instala a paz
E a perfeição nos conduz

Apaga os erros
Extingue os medos
Quando a sabedoria reluz

Transforma os feixes
Multiplica os peixes
E ao éden conduz

Estado de graça
Que a tudo transpassa
E a verdade conclui

2 comentários:

Julieth Parkin disse...

Vic,
Esta fotu tá D+, lindaaaaaaa!!
Amei a poesia tb.
Te adoro miga!
Bjaum!
Julieth

Julieth Parkin disse...

Vic,
Nusssss, q fotu + linda miga!
Adorei a poesia!
Fiz um blog prá mim hj,mas ainda não postei nada.
Quero q ele fique bem bonitinho.
Te amuuuu muitooo!!
Bjaum! :)
Julieth