sexta-feira, 9 de janeiro de 2009

DECRETO


DECRETO
(Victtoria Rossini)

Estudar filosofia
Não faz de ninguém filosofo
Assim como ser amado
Não faz de ninguém amante

A diferença
Entre a eternidade e o instante
Entre a concepção e a ação
Entre o desejo e a experiência
Entre a sede e o mitigar dela
Entre a fome e a saciedade
É o VIVENCIAR de cada instante

Viver
É o suprir das nossas necessidades internas
De expressar-se
De tocar
De experienciar
De fluir
De sentir
Conscientemente cada passo do caminho

Por isso
Rasguei os calendários
Não importa se for segunda ou sexta feira
Finados ou natal
Ano novo ou meia-noite do mês de julho
Meu aniversário ou um dia
Entre os milhares que nem lembrarei que vivi...

Eu decreto:
Todo dia é dia de ser feliz!
De mergulhar de cabeça na vida.

2 comentários:

Julieth Parkin disse...

Vic, amiga querida!!!
Lindos versos....
Q linda alma essa sua q expressa os sentimentos vivenciados com tamanha sensibilidade.
Te amoooooooooo!!!!
(,”)\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_……………..

Julieth Parkin disse...

Eu D novo... prá dizer q amei está foto.
(,”)\\
./_\\. Beijossssssssss
_| |_……………..