sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

PORRES DE AMOR

PORRES DE AMOR
(Victtoria Rossini)

Me embriaguei de amor!
Me perdi...
Perdi o sono

Depois de delirar dias
Banqueteando teu corpo
Aqui estou eu de novo...

Bebendo da mesma taça
Caindo na mesma praça
Curtindo a velha ressaca
Tomando porres de você

Mas nunca canso de te querer!

2 comentários:

Juliana disse...

SUAS POESIAS SÃO MUITO LINDAS!!
PARABÉNS!!VC É MUITO TALENTOSA! CONTINUE ASSIM SEMPRE

Edgar disse...

parabens tudo é muito lindo