quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

RUPTURAS: REENGENHARIA 2009


RUPTURAS: REENGENHARIA 2009
(Victtoria Rossini)

Rompa os versos
Rompa os laços
Rompa os traços
Dentro de ti
Que te fazem ser como ontem
Só projeto
Só objeto

Seja o que sempre quis
Invente o que não se fez
O inimaginável
Pode dar passagem
Ao genial
Dentro de ti

Seja diferente
Seja descrente
De tudo que teus olhos vêem
Se torne irreconhecível
Até para si

O estranho
Que te mira no espelho
Pode te dar mais
Do que você pediu

Ele tem mais
A te dizer
Do que a pessoa
Que você julga ser

Rompa!
Com os padrões
Com as ilusões
Com o projetado

Ouse se reinventar!

Um comentário:

aicram disse...

Maravilhoso Poema, que nos manda Ousar!
Ousar a ser, ter, conhecer!
Este Poema é uma verdadeira promessa do Ano que se inicia.

Desde o primeiro poema que li, de vc, amei!
Virei sua fã!!!!
Feliz Ano Novo!!!
Bjus de Luz!
Márcia